terça-feira, 5 de abril de 2022

Crítica: ANIMAIS FANTÁSTICOS: OS SEGREDOS DE DUMBLEDORE

 

O professor Alvo Dumbledore (Jude Law) sabe que o poderoso mago das trevas Gellert Grindelwald (Mads Mikkelsen) está se movimentando para assumir o controle do mundo mágico. Incapaz de detê-lo sozinho, ele pede ao magizoologista Newt Scamander (Eddie Redmayne) para liderar uma intrépida equipe de bruxos, bruxas e um corajoso padeiro trouxa em uma missão perigosa, em que eles encontram velhos e novos animais fantásticos e entram em conflito com a crescente legião de seguidores de Grindelwald. Mas com tantas ameaças, quanto tempo poderá Dumbledore permanecer à margem do embate?


Nossa Opinião:



Precisamos fazer esse destaque antes de falarmos sobre o filme. É impossível validar a essa altura em um novo século que existam pessoas como a autora da Saga Harry Potter e do Wizarding World, a Sra. J. K. Rowling ainda de alguma forma defenda a ideia da Transfobia. Pessoas morrem pelo fato de não poderem ser elas mesmas porque isso vem a ferir a concepção retrógrada do que vem a determinar o que uma pessoa é ou deixa de ser. 
Apenas no ano de 2021, o Brasil registrou 140 assassinatos de Pessoas Trans ou como muitas pessoas querem acreditar, pessoas com severos transtornos psíquicos. 
Esse ódio levou a vida de Paulo Vaz. Um policial e influencer digital que sofria constantemente ataques transfóbicos em suas redes sociais. Paulo era referência no país da necessidade de reconhecer o direitos da comunidade Trans. Nunca poderei dar um depoimento amplo o suficiente para descrever a necessidade do reconhecimento de direitos e respeito por não ter lugar de fala.  O que posso afirma com total certeza é que a luta para tornar-se o que se é sempre será dolorosa e válida. Passando por cima de quem for: seja você um ser inapto ao entendimento do mundo que distribua o ódio pelo ódio ou simplesmente por ser uma autora que não que dar o braço a torcer por vaidade e ego. Vidas Trans importam merecem respeito. 
Dito isso, vamos ao filme. 


Animais Fantásticos que foi originalmente apenas um livro agregado ao mundo de Harry Potter em março de 2001 se tornou algo muito maior que é o Wizarding World (Mundo Mágico).  Então precisamos entender que a Saga de Harry Potter se integra a esse Mundo posteriormente.  A Saga de Newt Scamander e seus amigos também se encerrará com um quinto filme (Assim é a informação que eu tenho no momento da publicação dessa crítica). Dessa forma, novas histórias poderão nascer dentro do universo criado pela autora.  

Mesmo com o afastamento do Johnny Depp do papel de Grindewald (lê-se o "w" com som de "V") e muito bem substituído pelo ator Mads Mikkelsen, o A. F.: Segredos de Dumbledor encerra muito bem o arco aberto pelos três primeiro filmes. Eu havia gostado muito do segundo filme mesmo ele tendo deixado alguns pontos sem nó. Esse filme encerra bem essa jornada. Não deixa a sensação de que está faltando alguma coisa nem cria um gancho para um próximo filme. (um beijo para os fãs de Duna) Maria Fernanda Cândido está linda no filme mesmo com a sua pequena, porém importante participação. Tomará que ela volte para os próximos filmes.

Um filme leve como deveria ser. Uma história muito bem contada e que me fez abrir um sorriso no cinema por poder estar aliviando os problemas da cabeça. A recomendação para um melhor aproveitamento da história seria assistir os outros dois filmes antes de assistir esse. Mas já adianto que que se não puder, o filme vai funcionar também.  O filme foi em salas tradicionais mas quem puder assistir em IMAX está disponível. Super recomendo. 

2 comentários: